12/28/2013

Policia prende ladrões de gibis raros em São Paulo

 

As Polícias Civil e Federal prenderam quatro membros de uma quadrilha especializada em roubos de obras de arte e de peças de colecionadores. Foram recuperados 39 quadros que estavam na casa de um dos acusados e em um antiquário, em Piracicaba. A eles são atribuídos roubos na Pinacoteca de São Paulo, no Museu Nacional do Rio de Janeiro, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, em Piracicaba, e na Biblioteca Nacional do Paraná, entre outros. A polícia não divulgou se foram localizadas obras do colecionador Antonio José da Silva, o Tom Zé, que no dia 16 de outubro teve parte de seus gibis e revistas roubados. Foram levados 200 primeiros exemplares de revistas dos anos 1930 e 1940, como O Lobinho e O Gibi, um lote cujo valor poderia ser estimado em R$$ 300 mil. Tom Zé é o maior colecionador de histórias em quadrinhos do País, tem mais de 200 mil revistas. Ele coleciona gibis há mais de 40 anos e mantém o acervo com recursos próprios. Foram recuperadas ainda, mais de cem peças entre roubadas, constando cartas e documentos do Museu Campos Sales, que fica no prédio, em homenagem ao quarto presidente da República, Manuel Ferraz de Campos Sales, que nasceu em Campinas e, antes de morrer, doou seu acervo pessoal para o CCLA. Entre os documentos estão uma carta do imperador chinês Guangxu (1875-1908), enviada ao ex-presidente, e um volume da história da Dinastia Romanov, presente do czar Nicolau II (1894-1917), último imperador da Rússia, a Campos Sales.


12/19/2013

Animação brasileira pode disputar o Oscar

 
 

O filme brasileiro "Uma História de Amor e Fúria" está entre os 19 títulos que podem concorrer ano que vem ao Oscar de melhor animação.  A animação de Luiz Bolognesi conta uma história de amor que dura 600 anos, tendo como pano de fundo a história do Brasil. A dublagem no Brasil foi feita por Selton Mello e Camila Pitanga. A lista com os 19 concorrentes é de muita qualidade. Nela estão dez títulos dos Estados Unidos e três do Japão, entre outros. "Uma História de Amor e Fúria" é o único representante brasileiro. Para se tornarem candidatos, os filmes precisam atender a requisitos como ter exibição nos cinemas de Los Angeles ainda em 2013. Os cinco finalistas indicados ao Oscar serão anunciados no dia 16 de Janeiro de 2014. A cerimônia da 86ª edição da premiação está marcada para o dia 2 de março. Em junho, a animação de Luiz Bolognesi venceu o Festival de Annecy, considerado o "Cannes da animação".

12/13/2013

Apresentador compra Amazing Fantasy por $ 4.500

 
 

O programa da televisão paga Caçadores de Relíquias, no canal History, mostra dois empresários que são sócios em um negócio de compra e venda de produtos antigos. Mike e Frank viajam por todo território dos Estados Unidos procurando e garimpando relíquias que para muitas pessoas pode ser considerado lixo, mas para outras, especialmente colecionadores, pode custar muito dinheiro. Em uma dessas ocasiões, na cidade americana da Pensilvania, Mike comprou a edição número 15 da série de quadrinhos Amazing Fantasy com a primeira aparição do Homem Aranha, por $ 4.500,00 dólares. Mike encontrou o gibi em um galpão localizado nas estradas secundárias das vias americanas. A revista recebeu a cotação 2 em um índice que mede conservação de 0 a 10. Avaliado posteriormente, foi cotado a $ 9.000,00 dólares.

 
 

12/09/2013

Claudia Leite vira personagem de gibi

 
 

A cantora Claudia Leite ganhou uma versão especial pelas mãos do cartunista Mauricio de Sousa, fazendo uma participação especial em uma edição do gibi da Mônica. A artista é mais uma celebridade a aparecer nas histórias de Maurício. Neymar, Ronaldo e Maradona já foram alguns dos homenageados. A cantora aparece como uma criança com a mesma idade dos outros personagens, nasceu em Salvador e se muda para o bairro das Laranjinhas, perto ao Limoeiro, onde vive a Turma da Mônica. A família da artista também ganhará uma versão na história. O marido, os pais e até a avó da cantora aparecerem no gibi. A edição da revista é a de número 82 e custa R$ 4,90.

12/04/2013

Site divulga relação com os super heróis mais populares

 

O site IGN fez uma relação com os cem super heróis mais populares da história dos quadrinhos.The Flash mais popular que Hulk não caiu bem. Por ordem, a relação começou com Super Homem, Batman, Homem Aranha, Wolverine, Mulher Maravilha, Capitão América, Lanterna Verde, The Flash, Hulk e Demolidor. Acima, os dez mais votados. No geral, nenhuma novidade, mas a Mulher Maravilha como a quinta colocada, surpreendeu!


12/01/2013

Vendas de quadrinhos aumentam no formato digital

 
Muito se fala que o mercado de histórias em quadrinhos tem caído e que as vendas estão fracas. Um detalhe curioso e que certamente tem haver com as novas tecnologias do momento, é que nos Estados Unidos, o mercado de quadrinhos digitais cresceu de cerca de US$ 1 milhão de dólares em 2009 para US$ 25 milhões de dólares em 2011. Já no início de 2012, as vendas triplicaram. Nesse meio tempo, o mercado de quadrinhos impressos se manteve relativamente estável, em um total de US $ 640 milhões. O formato digital deve responder atualmente por mais de 10% das vendas de quadrinhos como um todo. Existem várias razões para isso e com certeza a razão mais forte, é que existem mais quadrinhos disponíveis para venda digital, em mais plataformas, e mais quadrinhos clássicos estão sendo digitalizados. Um exemplo de sucesso em vendas online de quadrinhos, vem das vendas digitais da série The Walking Dead, que aumentaram de 5% para 30%. Recentemente, a loja de quadrinhos online ComiXology anunciou uma plataforma para autores e editoras colocarem quadrinhos à venda diretamente, no mesmo esquema de self-publishing, já bastante disseminado para e-books. As novidades chegaram aos quadrinhos e isso com certeza trará mais impulso para novas ideias.
 

11/25/2013

O submundo dos “Coments” em forma de quadrinhos

 
 
O submundo dos rodapés de notícias e dos comentários nas redes sociais é muito mais sujo e mais insensato do que se imagina. Gente sem rosto, endereço, telefone e pessoas escondidas sob pseudônimos que destila homofobia, racismo, machismo e tudo quanto é tipo de preconceito. Não há pesquisa, mas uma boa porcentagem dos comentários na Web é agressiva. Seus autores parecem cães raivosos a babar na frente do computador. Xingamentos e erros de português também são comuns. Quando a notícia é sobre política, a baixaria corre solta e já está provado que grupos são pagos pelos partidos para atacar adversários. Assim surgiram os Coments, que em geral, são pessoas que têm um parafuso a menos. Desde o final dos anos 80 há autores impressionados com o nível das discussões na internet. Notou-se que elas eram mais agressivas e mais selvagens que as discussões face a face. Razão disso: o anonimato da rede. Parece que as pessoas se controlam mais quando há um custo para a sua imagem e reputação. Entre fóruns, chats, comentários de blogs, sites de redes sociais e comentários nos jornais on-line, um fenômeno parece consistente: quanto mais anonimato, mais há a tentação da agressividade. Só que conteúdos digitais circulam para além das redes de cada um. Mas isso acontece apenas com a opinião preconceituosa e em situações onde não há anonimato. Os Coments continuam em alta e atacando cada vez mais. Foi assim que os quadrinhos surgiram para ilustrar essas rebeldes situações.

11/19/2013

Revistinha em quadrinhos na China detona os imigrantes

 
 
 
 
 
Atualmente a China é um dos países que mais cresce no mundo, no contexto econômico, industrial e financeiro. O ensino atual na China é obrigatório e gratuito, onde o governo introduziu a educação para todos os cidadãos. Interessante é que onde mais existe educação de nível e qualidade, parece que a população é insensível a determinadas situações. Uma ‘grafic novel’ chamada ‘Maus’ conquistou o importante prêmio Pulitzer. A explicação para tanto sucesso foi dada pelo editor Luiz Schwarcz, é que a revista foi feita para um público jovem, mas, nela toca, entre outros assuntos, a questão da exclusão do imigrante, que acabou tendo um apelo maior para leitores adultos. E os imigrantes são tratados de maneira bem convincentes. Confiram as imagens das capas acima:
 
 
 
 
 

11/14/2013

Cartunista Laerte tira a roupa em revista

 

O cartunista Laerte continua mais polêmico do que nunca. Agora ele resolveu tirar a roupa para a revista Rolling Stone Brasil. Em entrevista para a edição de aniversário da revista, o cartunista falou sobre toda a transformação de vida porque passou desde que colocou as primeiras peças de roupas femininas. Na publicação, ele conta porque decidiu se casar com uma mulher, ainda que sua primeira relação sexual, aos 17 anos, tenha sido com um homem. Afirmou que casou por pânico. Mas disse que tem prazer e desejo por mulheres. Segundo ele, o fato é que estava vivendo um estado de negação permanente. Laerte conta também como foi que começou a se vestir com roupas femininas, sobre a renovação em suas tirinhas, sobre como a morte de seu filho, aos 22 anos, quase o fez parar a transformação. Enfim, Laerte abriu seu coração!


11/09/2013

Paulista possui a maior coleção de Tex do Brasil

 
O paulista Adriano Rainho entrou para o RankBrasil em 2013 com a Maior coleção de Tex Willer do Brasil. Ao todo, são 3.039 artigos relacionados ao personagem dos quadrinhos, entre pôsteres, gibis, revistas, livros, estatuas, álbum de figurinhas, entre outros. Tex Willer foi criado em 1948 e publicado originalmente na Itália. É um dos personagens de velho oeste mais antigos do mundo. O interesse do colecionador pelas histórias surgiu quando tinha 10 anos, sendo apresentado ao universo do Tex por um amigo de infância. Das mais de três mil peças que possui, aquelas que mais deram charme a coleção foram as 40 estatuetas dos personagens da história em quadrinhos. A coleção começou em 1976, parando em 1982 quando o recordista começou a faculdade. Os gibis ficaram guardados até 2003 quando ele resolveu reviver as aventuras do Ranger e juntar essa coleção que tem hoje. Natural de Santo André, no grande ABC paulista, Rainho sempre compra todas as edições novas que saem na banca. Segundo o recordista, Tex é um exemplo a ser seguido. Seu primeiro item adquirido foi o nº 2 da segunda edição publicada no Brasil, com o título de ‘Vingança de índia’. O recordista informa que o Brasil é o segundo maior polo de Tex no mundo, só atrás da Itália onde ele é considerado um mito e um orgulho, como a Ferrari e a pizza. Para o colecionador, os quadrinhos o mantém com espírito jovem e entrar para o livro dos recordes foi uma oportunidade de divulgar e manter viva as histórias de Tex Willer. O bom de estar no RankBrasil é manter viva essa paixão que se chama histórias em quadrinhos”, afirmou o colecionador.

11/06/2013

007 arrecada mais de U$ 1 bilhão de bilheteria

 

Com arrecadação de mais de U$ 1 bilhão em todo o mundo, o filme 007 – Operação Skyfall, o novo episódio da franquia sobre o agente James Bond, se tornou um dos 14 longa-metragens a aingir essa marca em toda história do cinema. O filme estrelado por Daniel Craig e Javier Bardem entra para a lista que inclui Avatar, Titanic, Os Vingadores, Harry Potter e as Relíquias da Morte, O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei e Batman O Cavaleiro das Trevas Ressurge. Operação Skyfall tem como diretor, Sam Mendes.

 


11/01/2013

Prova em escola usa tira da Mônica com palavrão

 
Uma tirinha da Turma da Mônica com um palavrão usada em uma questão de prova do 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Luiza Batista de Souza, em Rio Branco, gerou protestos dos pais de alunos. A tira mostra uma conversa entre Cebolinha, Magali e um pipoqueiro:
- Eu quelo um saco de pipoca - diz Cebolinha.
- E a garotinha? - pergunta o pipoqueiro.
-
Uma pica! - foi a resposta de Magali.
A escola alega que o erro ocorreu na hora da digitalização da atividade, porém, nega que a expressão tenha sido usada de forma maldosa pela professora. A economista Efigênia Ferreira,  questionou o uso da palavra no exame e postou imagem da prova em rede social. A professora Francisca Ermelinda, com 26 como docente, diz que houve um erro na hora de digitalizar a prova. Na tirinha original Magali responde 'O que sobrar'. Segundo ela, a pessoa que elabora a prova puxou a tirinha da internet e não percebeu que ela estava com a expressão errada. De qualquer forma, trata-se de um erro gravíssimo, já que a prova se destinou a alunos do ensino primário, com alunos entre 8 e 9 anos. Outro detalhe que passou despercebido por muitos que leram a prova, é que  a palavra "abaixo" está incorretamente colocado na questão. Gente, tira as crianças dessa escola já! Imperdoável!

10/24/2013

Momentos constrangedores para os super-heróis





Todos nós sabemos que a vida tem altos e baixos e que existem ocasiões em que passamos por momentos que preferimos esquecer ou simplesmente, nunca lembrar. Na vida dos nossos super-heróis, existiram momentos em que eles com certeza não gostariam de lembrar. Se não, vejamos:

1- Na edição da Action Comics 59, Super Homem e a grande Barda, a esposa do Sr. Milagre, foram hipnotizados e obrigados a protagonizar um filme pornô. Apesar da HQ, ninguém sabe da existência da tal fita pornográfica.

2- Um outro fato inusitado, é que o incrível Hulk já lutou até contra o Papai Noel. O nosso gigante verde era cinza, travou uma batalha épica, que era nada mais nada menos, que o nosso Papai Noel, que era chamado de vilão na época, e ainda se defendeu com um pé de cabra.

3- Todos nós já passamos por alguma situação ridícula, mas Batman, o nosso herói mascarado já virou The Bizarre Batman Geniel, onde até a DC chamou a edição de bizarra. O morcego com um bat-turbante ficou ridículo e ainda por cima, submisso aos bandidos. Muito estranho...


4- Fato marcante mesmo, é quando o grande Batman, o grande herói da escuridão, resolve fazer um bronzeamento artificial. O que torna a HQ marcante, é quando o morcego aparece nu junto ao seu garoto prodígio curtindo o momento.  


10/19/2013

HQ traz história chocante e real de pugilista polonês

 
Os fãs brasileiros de quadrinhos já sabem: Reinhard Kleist é aquela fera alemã que fez Cash, Castro e Elvis, biografias em HQ que se leem como romances, de tão fluidas e sensíveis que são. Agora, o homem volta com o que talvez seja seu melhor trabalho: O Boxeador: A História Real de Hertzko Haft. A HQ traz à tona mais um aspecto cruel da 2ª Guerra Mundial: as lutas clandestinas de boxe nos campos de concentração, nas quais o vencedor continuava vivo e o perdedor era sumariamente executado. Adaptada a partir do livro do filho de Hertzko, Alan Haft, O Boxeador é, literalmente, um soco no estômago, chegando a lembrar, em alguns momentos, a obra-prima Maus, de  Art Spiegelman, com narrativa enxuta e à expressiva arte em preto & branco. Premiada com o Grand Prix 2013 do Festival de Quadrinhos de Lyon na França, a obra consolida a carreira e a fama de Kleist, que, aos 43 anos, desponta como um dos principais quadrinhistas europeus contemporâneos. De fato, os quadrinhos alemães têm se tornado cada vez mais populares mundo afora. Excelente!

10/16/2013

Chaves ganha museu no México

 
 
De acordo com o diretor do grupo Chespirito, empresa promotora dos produtos vinculados à imagem de Chaves, o México terá um museu em homenagem ao comediante Roberto Gómez Bolaños, muito conhecido no Brasil. O museu será construído na capital mexicana e terá uma réplica do cenário da série Chaves. O local contará com toda estrutura do programa de televisão, com um dos barris originais, o figurino dos atores, além de fotografias e outros objetos da série mexicana. O acesso ao público está sendo programado para ser gratuito e os visitantes poderão conhecer os apartamentos dos personagens Seu Madruga e de Quico e dona Florinda. Roberto Gómez Bolaños não queria o museu, pois não acredita que alguém verá sua obra, mas a ideia está seguindo em frente. O reinado de Chaves é longo, principalmente no Brasil, onde suas aventuras são assistidas por várias gerações. Além dos quadrinhos, Chaves também é visto no teatro e em episódios de desenhos animados.
 

10/10/2013

Britânica conta luta contra anorexia em autobiografia em quadrinhos

 
Em Lighter than my Shadow (Mais leve do que minha sombra ), a artista britânica Katie Green, de 30 anos, desenhou todas as ilustrações e escreveu os diálogos à mão, elegendo o preto e branco como a cor dos quadrinhos. Para ela, esta foi a melhor forma de expressar o clima sombrio e pesado que pairava sobre a família, afetada por sua doença. Os quadrinhos mostram como Katie enfrentava dificuldades para comer já na infância, quando começou a criar estratégias para despistar os pais. Uma passagem do primeiro capítulo mostra a menina, de maria-chiquinhas, escondendo fatias de pão no bolso do casaco e aparecendo na cozinha com o prato vazio. O livro sugere que episódios como esse levaram a família a fazer terapia. Ela diz ter encontrado a cura após a graduação, quando se matriculou em um curso de arte. Ter encontrado uma paixão lhe deu pela primeira vez um motivo para querer vencer a anorexia por si mesma e não pelos outros. Seis anos mais tarde, Katie conta sua história em 504 páginas, mas diz que escrever o livro não foi uma catarse. Há tempos ela não pensava mais no controle obsessivo de sua alimentação e em todas as outras questões que envolvem a doença, e o projeto lhe trouxe memórias de uma época que ela gostaria de esquecer.

10/05/2013

Luciana Gimenez se fantasia de Mulher Maravilha



Depois de Paula Fernandes postar uma foto nas redes sociais fantasiada de Mulher Maravilha, agora chegou a vez de Luciana Gimenez compartilhar com seus milhares de fãs uma foto em que aparece também fantasiada da heroína. A apresentadora da Rede TV! posou toda sorridente, vestida de Mulher Maravilha. Com direito a coroa, acessórios dourados e um modelito tomara que caia, a famosa chamou atenção na internet. Na imagem, ainda podemos notar as duas tatuagens de estrelas que a artista tem no braço direito. Tudo indica que o look foi para uma gravação de seu programa de entrevistas na emissora, o Luciana By Night.

10/02/2013

Cartoon Network censura desenhos de Tom e Jerry


Todas as crianças que cresceram assistindo televisão sabem quem são Tom e Jerry. O desenho marcou toda uma geração e é famoso até hoje. Porém, uma medida do Cartoon Network está criando muita polêmica nas redes sociais. A emissora de TV por assinatura mandou tirar do ar cerca de 27 episódios do desenho, alegando que tais episódios são violentos e que podem influenciar as crianças. Esta não é a primeira vez que o canal infantil censura suas atrações: na lista de cortes, estão episódios de “Apenas um Show” e do blockbuster “Ben 10”, além de animes como “Naruto”. Na internet, tal medida gerou uma avalanche de críticas dos internautas. O Cartoon Network é líder de Ibope na TV paga, mas as críticas contra o conteúdo cada vez mais censurado têm sido questionadas pela audiência. Uma lástima!

9/21/2013

Turma da Mônica lança gibi que combate trabalho infantil



O gibi está sendo distribuído gratuitamente. Na história de 16 páginas, Magali é a protagonista  que alerta para um problema que atinge 3,6 milhões de crianças e jovens no Brasil, o trabalho infantil. O material, produzido pela Mauricio de Sousa Produções, faz parte da campanha "É da nossa conta! Trabalho Infantil e Adolescente", desenvolvida pela Fundação Telefônica Vivo em parceria com a Unicef e a OIT, Organização Internacional do Trabalho. Muito bacana!

9/19/2013

Quadrinhos de Rafael Grampá chegam ao Brasil

 
Um dos raros trabalhos do brasileiro Rafael Grampá em quadrinhos internacionais chega ao Brasil pela Panini Comics. Trata-se da edição 43 da revisto Vertigo, que contém uma história curta de Hellblazer, escrita por Brian Azzarello. A revista só está chegando agora ao país, mas a trama foi publicada originalmente em 2008, na edição comemorativa Hellblazer número 250. Grampá disse que foi convidado pelo próprio roteirista de Constantine para participar do quadrinho, após conhecer o seu trabalho em “Mesmo Delivery”. Grampá começou a carreira cedo. Aos 14 anos desenhava brasões de bandeiras para municípios do Rio Grande do Sul, fazia estampas para camisetas, logotipos para lojas e decorações de festas infantis. Sua trajetória foi sempre constante e destacou-se pelo sucesso internacional de sua primeira obra solo em quadrinhos, a graphic novel Mesmo Delivery e pela publicação independente 5, ao lado de Becky Cloonan, Fabio Moon, Gabriel Bá e Vasilis Lolos, que conquistou o Oscar das histórias em quadrinhos mundiais, o Prêmio Eisner de melhor antologia em 2008. Isso lhe abriu portas para diversas editoras.

9/13/2013

Carro-submarino de James Bond é leiloado por 650 mil euros

 
 
O célebre carro-submarino do agente secreto James Bond no filme "O Espião que me amava", de 1977, foi arrematado em Londres, por 550 mil libras, cerca de 650 mil euros. Após uma intensa disputa, a Lotus Esprit foi finalmente arrematada, por telefone, durante o leilão de carros realizado pela casa RM Auctions em Battersea, no sul de Londres. O carro é o protagonista da cena na qual Roger Moore que interpretava James Bond e Barbara Bach, mergulham no mar em meio a um ataque de helicópteros. Após entrar na água, o veículo segue adiante com hélices e alhetas estabilizadoras. Para os organizadores da RM Auctions Europe, o valor obtido foi muito bom para um elemento de filme. Não foi divulgada a identidade do ganhador do leilão.

9/07/2013

Filho matou mãe e diz que Homer Simpson foi o mandante

 
 
 
Os personagens da animação "Os Simpsons" foram os responsáveis por Marco Aurélio Santana de Souza Ribeiro, de 22 anos, matar a mãe, segundo o depoimento do jovem. Ribeiro, que sofre de problemas mentais e é usuário de drogas, pisoteou a cabeça da mãe, Gislaine Aparecida de Souza e ainda a  agrediu com facadas e tesouradas. O crime aconteceu em Belo Horizonte. O delegado Tiago Saraiva voltou a ouvir o suspeito esta semana e afirmou que ele é "confuso". Ribeiro contou ao policial que saiu com a mãe no dia do crime e encontrou R$ 10 na rua e que o dinheiro foi usado para comprar um papelote de cocaína, que ele consumiu antes de voltar para casa. Em casa, na região norte de Belo Horizonte, ele tomou remédios controlados dados pela mãe e disse que começou a ouvir vozes. O jovem começou a ver TV e disse que ouvia Homer Simpson falar alguma coisa e ele foi interpretando como se a família estivesse contra ele e quisesse matá-lo, afirmou o delegado. O jovem disse que se arrependeu do que fez.

 

9/03/2013

DC divulga imagens de Batman: Black and White

 
 
 
 
A DC divulgou novas capas da minissérie com histórias especiais e totalmente em preto e branco do Batman. Sobre o lançamento, o editor Mark Chiarello disse no site oficial da DC que “é muito divertido relançar Batman: Black and White. Segundo ele, trata-se de  uma série da qual dá muito orgulho. Assim como na original, já se eperava trabalhar com os melhores roteiristas e artistas novamente. Não dá para se errar com o maior personagem dos quadrinhos de todos os tempos. Os talentos de Neal Adams, Marc Silvestri, Sean Murphy e Chip Kidd é o melhor presente. Batman: Black and White 01 sairá breve nos Estados Unidos e dá sequência ao material lançado originalmente em 1996. A nova mini Batman: Preto e Branco sairá em seis partes e terá em sua equipe os roteiristas Chip Kidd, Neal Adams, Joe Quinones, Maris Wicks, John Arcudi e Howard Mackie. A arte será de Michael Cho, Neal Adams, Joe Quinones, Sean Murphy, Marc Silvestri e Chris Samnee. É de arrepiar...!!!

 
 

9/01/2013

Batman de Toronto faz sucesso na internet

 
 

Os moradores da cidade de Toronto, no Canadá, podem se considerar livres de qualquer mal, afinal, eles têm um super-herói vigiando as ruas e fazendo as pessoas caírem na gargalhada. Os vídeos do Batman de Toronto, como é conhecido o personagem canadense, já são um sucesso na internet. O super-herói anda pelas ruas da cidade gritando com voz rouca “Onde estão eles?”, provavelmente, falando de supostos vilões. Coloca as mocinhas no colo, faz parada para um lanchinho e ainda faz compras. A identidade secreta do Batman de Toronto não é Bruce Wayne, mas o comediante canadense Alex Brovedani. Ele começou a interpretar o personagem no Haloween de 2005 e já fez o número improvisado até em Los Angeles. Mas o sucesso começou mesmo com os vídeos publicados na internet, produzidos pela Harth TV, um estúdio experimental de mídia. Além de se divertir, o comediante confessa que ganha uma graninha com o personagem. E é o melhor jeito de trabalhar e fazer o próprio horário. Afinal é só colocar a fantasia de homem-morcego e sair fazendo graça por aí. Baita aproveitador...
 

8/26/2013

Enem traz questões com imagens em quadrinhos

 
 
 

A tendência globalizadora tem impulsionado as nações a manterem relações cada vez mais intensas. Essas relações internacionais têm conduzido ao ensino e ao aprendizado de outros idiomas. Para os brasileiros, quando surge a necessidade de se aprender novas línguas, o espanhol e o inglês geralmente são as primeiras escolhas, devido, principalmente, ao turismo e às relações comerciais realizadas entre países cujos idiomas oficiais são esses. Em processos seletivos, como o Enem, a capacidade de interpretar textos de línguas estrangeiras é avaliada, de forma a analisar a maneira que o candidato consegue utilizá-las como instrumento de acesso a informações. Este fascículo contempla questões de Linguagens e Códigos e suas Tecnologias. Entre estes conceitos de aprendizado, se inserem os quadrinhos, que participam de várias questões do exame nacional.

 

8/17/2013

Erasmo Carlos já criou história para o Super Homem

 
 
A década de 80 era a época em que tudo era possível, e foi exatamente nessa época  que Erasmo Carlos criou uma  história do Super-Homem. Nesse período, a WEA Brasil lançou um disco intitulado Super Homem e o Dia Em Que o Maracanã Desapareceu. Um nome digno da nossa ótima originalidade. O autor da história foi o Tremendão. Apesar de Erasmo ter criado a história, Gualter França, que era o dublador do Homem de Aço na época, foi o convidado para dublar o herói. Além disso, também há a participação de Márcio Seixas (Narrador), Lígia Rinelli (Mirian Lane) e Silvoi Navas (Lex Luthor).
 

8/14/2013

Um gibi que não é gibi

 
 
 
O colecionador de gibis americano, Chris Ware, é considerado um dos mais criativos artistas do gênero atualmente em atividade. Ware está acostumado a construir sua arte usando temas como isolamento social, depressão e tormento. Ele usa tijolos em seu projeto mais ambicioso, o recém lançado "Building Stories", que já figura na lista das HQs essenciais desta década. O gibi acaba de ser lançado nos Estados Unidos e já está com a primeira edição esgotada. Seu projeto não se parece com um gibi. Por fora, ele lembra uma caixa. Por dentro, traz 14 peças, entre elas um livro, um jornal, um folheto e uma tirinha impressa nos dois lados. Não há ordem para a leitura, e até a embalagem conta a história, em anotações registradas em seus cantinhos. O leitor constrói a narrativa conforme decide o que ler primeiro e em que sequência. É a inusitada representação física do que Ware acredita serem as HQs. Os quadrinhos foram erguidos com precisão por Ware, que gastou 40 horas para registrar cada página. A aparente clareza do traço vem de querer que a história seja tão legível quanto possível, de forma a permitir maior ambiguidade e incerteza. Ao publicar "Building Stories" em 14 itens soltos, tendo em vista a experiência tátil de lidar com a obra, Ware se dedica ao livro como meio necessariamente impresso. Nesse desmembramento do objeto, o quadrinhista também cria um gibi que, afinal, não é exatamente um gibi.

8/10/2013

Forbes divulga lista dos personagens mais ricos da ficção

 
A revista Forbes divulgou a lista anual dos personagens mais ricos da  ficção científica na versão 2013 e como esperado, os personagens de histórias em quadrinhos lideram como os que mais aparecem na relação. Confiram acima os mais ricos segundo a Forbes.

8/06/2013

Botafogo já teve o Pato Donald como mascote



O primeiro mascote conhecido no Botafogo refere-se ao Pato Donald. O chargista argentino Lorenzo Mollas associou, na década de 1940, o Pato Donald ao Botafogo,  porque a figura da Disney  lutava, brigava e defendia-se, exatamente como os dirigentes botafoguenses da época. E, segundo Mollas, não perdia a sua elegância ao deslizar pelas águas. A torcida do Botafogo gostou do boneco e adotou-o. Todavia, a figura pertencia à Walt Disney e a sua utilização ficava muito cara ao Botafogo, fato que o clube não podia oficialmente arcar com tamanha despesa. Desta forma, a parceria não vingou.

8/01/2013

Colecionador encontra desenho raro de Andy Warhol

 
Um colecionador de arte britânico comprou  um desenho feito pelo artista Andy Warhol ao adquirir em uma feirinha nos Estados Unidos cinco quadros por apenas US$ 5. O empresário Andy Fields, de 48 anos, comprou as pinturas em Las Vegas. Ele decidiu colocar uma nova moldura em uma das obras e encontrou o desenho dentro da antiga moldura. Um especialista informou-o de que a obra pode alcançar um valor de até 1,3 milhão de libras (cerca de R$ 2,4 milhões reais), mas o proprietário diz não querer vender a obra. Em entrevista à BBC, Fields afirmou que ele e seus amigos gostam de ir às célebres feirinhas caseiras de artigos usados conhecidas como ''garage sales'', quando viajam aos Estados Unidos. Ele afirmou que é sempre  divertido e que encontra ótimas pechinchas. Disse que um sujeito vendeu alguns quadros por US$ 5, e que estava colocando uma nova moldura em uma das pinturas e na parte de trás viu um desenho, e reconheceu os lábios vermelhos e brilhantes de um Andy Warhol. O desenho feito por Warhol é um retrato do cantor Rudy Vallee, popular por volta de 1930. Ele teria sido feito quando o artista tinha 9 ou 10 anos de idade. Acredita-se que o proprietário da obra original tenha escondido o desenho na moldura por questão de segurança. Fields diz esperar que o desenho venha a ser exibido em um museu. Ele disse que quer manter o desenho, pois é um colecionador de arte e não pretende vendê-lo. As obras de Warhol chegam a atingir dezenas de milhões de dólares no mercado artístico atual. Seu primeiro auto-retrato, formado por quatro painéis de acrílico impressos em silk-screen, em tons de azul, foi vendido por US$ 38,4 milhões (cerca de R$ 70 milhões) em 2011.

7/27/2013

Justin Bieber em Os Simpsons

 
Justin Bieber finalmente autorizou sua participação em Os Simpsons. Pelo menos é algo para celebrar. Ele apareceu no episódio onde tenta entrar em um show de talentos no qual Bart está tocando piano. Trata-se apenas de uma aparição. Segundo Jean, o próprio Matt Groening, criador dos Simpsons, pediu que Bieber fosse encaixado nesse episódio. Ele pediu que arrumássemos um espaço para Bieber. O cantor já fez um trabalho de dublagem certa feita.  

7/19/2013

Vida de Steve Jobs vira mangá no Japão

 
 

Os japoneses demoraram para se tornar fãs da Apple, mas parece que a paixão pegou de vez. Acaba ser lançado o primeiro capítulo do mangá que conta a história da vida de Steve Jobs. Baseada na biografia escrita pelo jornalista Walter Isaacson logo depois da morte de Jobs, a obra é do premiado criador de mangá Mari Yamazaki. A história está sendo publicada na antologia de mangás “Kiss”, voltada para o público feminino. Fiel ao relato de Isaacson, a obra conta desde processo de convencimento do próprio biógrafo para topar escrever sobre o empresário, até seus anos na faculdade, o uso de drogas nos anos 70 etc. A biografia do fundador da Apple também será contada em filmes, inclusive um estrelado por Ashton Kuther. Na imagem acima, Jobs é mostrado em um dos capítulos do mangá, fumando um cigarro de maconha.

7/13/2013

Ator de Homem-Aranha no cinema sugere que herói seja gay

 
O ator Andrew Garfield, que vive o herói Homem-Aranha nos cinemas, sugeriu que o personagem seja gay, já que sua identidade secreta, Peter Parker, ainda está explorando sua sexualidade. Garfield é a estrela de “O Espetacular Homem-Aranha”, filme que já garantiu duas continuações, a serem lançadas em 2014 e 2016. Em entrevista à revista “Entertainment Weekly”, Garfield contou que, enquanto discutia sobre a personagem Mary Jane Watson, interesse romântico de Peter Parker, sugeriu ao produtor Matt Tolmach que ele a recusasse. Para Garfield, seria uma situação, no mínimo revolucionária. Peter estaria explorando sua sexualidade. Por que ele não pode ser gay? Por que ele não pode gostar de garotos? – setenciou Garfield. Garfield foi mais longe e deu até mesmo o nome de um ator para interpretar o papel: Michael B. Jordan, que trabalhou em “Fruitvale Station”. Para Garfield, seria bissexualidade inter-racial, já que o ator em referência é negro.

7/11/2013

Inglês destrói gibis raros por engano

 

Ao reunir revistas em quadrinhos antigas para produzir uma escultura em papel machê, o britânico Andrew Vickers não imaginou que estaria destruindo o equivalente a quase US$ 30 mil dólares em edições raras. Pelo menos seis revistas foram usadas, sendo a mais cara um exemplar do primeiro número de “Os vingadores”, da Marvel, cujo valor foi estimado em mais de US$ 15 mil. O artista Sheffield só descobriu o estrago quando sua obra, chamada “Paperboy”, foi vista por Steve Eyre, um colecionador que possui uma loja especializada chamada World of Superheroes. Curioso com as imagens de quadrinhos na escultura, ele parou para prestar atenção e viu as raridades que Vickers diz ter encontrado no lixo. A edição de Os Vingadores, foi publicada em 1963 e é muito cobiçada no mercado. Mas, mesmo pego de surpresa, o artista diz não se preocupar muito e até achou graça de toda essa história. Porém, admitiu ter ficado chocado por ter destruído obras importantes para a cultura.


7/04/2013

Cartunista Laerte afirma que não é homem nem mulher


O cartunista Laerte Coutinho, passou a usar roupas femininas em 2009. Na época, sua namorada,  filhos e amigos estranharam. Ultimamente ele tem dado entrevistas para explicar por que adotou o cross-dressing. Laerte, que é bissexual, tem afirmado que decidiu se libertar de uma cultura binária, que impõe às pessoas que sejam homens ou mulheres. Ressalta que se veste com roupas femininas, mas sabe que não é mulher. Para confundir ainda mais quem tenta entender o seu comportamento, ele afirma que seu novo vestuário não tem nada a ver com fetiche sexual. Há quem diga que Laerte começou a ficar pirado em 2005 por causa da morte naquele ano de um de seus filhos em um acidente de carro. O cartunista garante estar na plenitude de sua consciência. Para muitos, Laerte chutou todos os preconceitos e é o primeiro cross-dresser do Brasil a sair do armário para usar vestido, brinco, unhas feitas e maquiagem. Agora ele é um dos caras mais livres do país. Laerte diz estar ainda na fase da descoberta de tecidos, estampas e cores que lhe caiam bem. Reconhece que antes era mais simples e que comprava uma calça a cada três anos, colocava uma camiseta e pronto. Hoje as coisas mudaram e tem que combinar tudo. Está impressionado com os elevados preços das roupas femininas. Mas nem por isso tem recorrido ao guarda-roupa da sua namorada. Amém!

7/01/2013

Lego apresenta nave de Star Wars em tamanho real



A dinamarquesa Lego apresentou em Nova York o maior modelo já montado com seus blocos. Uma réplica em tamanho real de uma das naves da saga Star wars encantou a multidão que foi visitar a exposição. A espetacular réplica exposta ao ar livre na Times Square, foi montada com mais de 5,3 milhões de blocos de Lego, pesa 20 toneladas e exigiu 17 mil horas de trabalho de 32 construtores. A nave do tipo X-Wing, igual a utilizada por Luke Skywalker para destruir a Estrela da Morte na trilogia original da saga, faz parte da promoção da série animada As crônicas de Yoda, lançada pelo canal Cartoon Network. É uma réplica em tamanho real, na mesma escala construída para o filme. Antes de ser levada para os Estados Unidos, a montagem iniciou-se na República Tcheca. Ao chegar em Nova York, a nave ficou em um depósito em Nova Jersey, de onde foi levada de caminhão, dividida em três partes, para Times Square.  Star Wars, uma criação de George Lucas, adquiriu status de filme cult desde sua estreia, em 1977, e foi seguido por O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi. No final dos anos 90, George Lucas decidiu acrescentar à série três novos filmes, que se desenvolveram cronologicamente antes do primeiro episódio. A marca Star Wars pertence atualmente à Disney, que comprou a empresa de George Lucas e já anunciou novos episódios.

6/25/2013

Super Herói colombiano chega aos quadrinhos

 
O livro "Gabo - Memorias de una Vida Mágica", narra a biografia em quadrinhos do escritor colombiano Gabriel García Márquez, e acaba de ser publicado na Espanha. "Gabo" narra desde o nascimento do bebê Gabriel, até o 8 de dezembro de 1982, quando ele recebeu na Suécia o Prêmio Nobel de Literatura. A obra dá ênfase especial à infância difícil do autor. Óscar Pantoja assina o roteiro e as ilustrações são de Miguel Bustos, Felipe Camargo, Tatiana Córdoba e Julián Naranjo, jovens talentos dos quadrinhos de Bogotá. Cada ilustrador abraçou uma fatia da vida de Gabo, como o escritor é apelidado. A obra já está sendo vendida em alguns países, como a Itália, mas não tem previsão de lançamento no Brasil. O "super-herói colombiano", como é conhecido Gabriel García Márquez, não deverá mais escrever. O anúncio partiu do seu  irmão Jaime, já que o escritor completou 85 anos.

6/15/2013

Marinheiro Popeye já viveu glórias com o Flamengo



Na década de 40, precisamente em 1942, o marinheiro Popeye, era o símbolo da força, garra e resistência que acompanhava o Flamengo. O marujo se tornava mais forte quando comia espinafre. Assim, ele encarava e vencia qualquer desafio. O Flamengo ganhava força quando tinha Popeye na torcida. O marinheiro simpático, dono de muita força, sempre esteve presente em todos os momentos do Flamengo quando era o seu mascote, mesmo quando o time não vencia. Devido a reclamações dos direitos do personagem, o clube teve que mudar o mascote.