1/09/2018

James Bond volta a ocupar estantes em lojas do Brasil



Roger Moore, ladeado por "Bond girls" na foto, consegue fazer parte de duas franquias "cine-literárias": foi 007 em sete filmes e Sherlock Holmes em outro. 


Os livros originais com as peripécias de James Bond, escritos pelo escocês Ian Fleming (1908-1964) permaneceram tanto tempo fora de catálogo no Brasil que fica fácil esquecer que, antes do sucesso no cinema, 007 foi uma revolução nas livrarias.

O lançamento de três livros do autor  pela editora Alfaguara, em novas traduções, volta as atenções à origem literária do agente com licença para matar

Da Rússia com Amor", de 1957, virou filme seis anos depois, com o título "Moscou contra 007". "Goldfinger", de 1959, deu origem ao longa homônimo em 1964. "Viva e Deixe Morrer", de 1954, passou muito mais tempo à espera das telas, até 1973.

Da Rússia com Amor" chegou a ter uma pequena edição brasileira em 2003. Os outros dois foram publicados pela última vez no país no início dos anos 1990.

Nos últimos anos, o fenômeno de livros como base para filmes de sucesso virou regra, com "Harry Potter" e a saga "Crepúsculo", mas a modalidade é centenária.

Em 1900, numa quase pré-história do cinema, o filme de poucos minutos "Sherlock Holmes Baffled" mostrava o detetive criado nos livros de Arthur Conan Doyle em 1887 e que hoje vive na pele de Robert Downey Jr. em produções de bilheteria milionária.

A fórmula parece se prestar mais à aventura e ao terror. Holmes, com 223 filmes, e Drácula, personagem de 117, disputam o recorde da migração para o cinema. Tarzan vem a seguir, com 89 filmes.

Roger Moore, ladeado por "Bond girls" na foto, consegue fazer parte de duas franquias "cine-literárias": foi 007 em sete filmes e Sherlock Holmes em outro. 



12/04/2017

Mangá mostrou pênis de Mario da Nintendo na década de 80



Durante a campanha de marketing de "Super Mario Odyssey", o mundo foi bombardeado por um assunto polêmico: os mamilos do Mario. Muito além dos mamilos, o mangá já mostrou o pinto do Mario.

Conhecida por lá como "KC Mario", cada edição adaptava um novo jogo da série e, para "Super Mario Land",  Kazuki Motoyama decidiu que o mundo precisava ver as partes íntimas do herói. Para um contexto maior, Mario é naturalmente levado a tirar seu macacão e mostrar que ele decidiu não vestir uma cueca para a aventura.

A princesa Peach, que está disfarçada como um robô fica um tanto... perplexa... antes de chamá-lo de pervertido e dar um soco que o leva diretamente a uma outra fase do jogo. É reviver para crer.

11/10/2017

Disney exibe beijo gay em desenho animado



Pela primeira vez a Disney exibiu um beijo gay em um de seus desenhos animados. O fato aconteceu na animação “Star vs. As Forças do Mal” do canal “Disney XD”. Foi exibido dois homens se beijando no episódio.
No desenho, os personagens Star e Marcos vão para um show no qual a banda toca uma música romântica chamada “Just Friends” (Apenas amigos). Neste momento, diversas pessoas na plateia se beijam. Em meio à multidão, um casal de homens pode ser visto se beijando. No mesmo episódio, pelo menos dois casais de mulheres também se beijaram.
A novidade chega em meio ao anúncio de que a próxima versão de “A Bela e a Fera”, com Emma Watson e Dan Stevens, terá uma subtrama gay, inédita em produções da Disney. A revelação foi feita pelo diretor, Bill Condon, à revista “Attitude”. Sinal dos tempos...

10/12/2017

Fotógrafo cria Liga da Justiça com Crianças



O fotógrafo italiano John Rossi e sua esposa Roxanne, criaram um projeto em benefício de crianças com doenças crônicas ou necessidades especiais, inspirado em Liga da Justiça. Em parceria com a figurinista Julie Whiteley, Rossi criou fotos inspiradas num cartaz de filme, e a figurinista escolheu as crianças depois de semanas de busca.

A Liga da Justiça infantil é composta por Kayden Kinckle, Sofie Loftus, Teagan Pettit, Simon Fullmer, Mataese Manuma e Zaiden Stolrow. Todas têm alguma deficiência.

A ideia era revelar a força interior das crianças para colocar um sorriso nos seus rostos e também nos de outras pessoas que passam pelas mesmas dificuldades. Sensacional!

9/09/2017

Neymar assina contrato com regata do Batman



Neymar assinou um contrato milionário para jogar pelo time Paris Saint-Germain. O clube francês teve que pagar uma multa de 222 milhões de euros, aproximadamente R$ 821 milhões de reais ao Barcelona, o que tornou a negociação a mais cara da história do futebol. Neimar deverá receber mensalmente R$ 9 milhões de reais. Inclui ainda R$ 200 milhões de reais como garoto propaganda da copa do mundo de 2022.

Na internet, o que está chamando atenção dos fãs de futebol não é o valor, mas sim o look que Neymar escolheu para assinar o contrato histórico: uma regata do Batman e boné. 
A camiseta  ganhou as manchetes dos principais tabloides do mundo todo. Na web virou piada. Enfim, uma celebridade como Neimar, é sempre motivo de notícia.

8/01/2017

Pernambucano faz histórias de Pokémon e Game of Thrones em cordel



Josué Limeira, 51 anos, nascido e criado no Recife, faz da literatura de cordel um passatempo desde 1996.  Em 2012,  resolveu fazer disso uma profissão. Lançou um livro sobre o centenário de Luiz Gonzaga, o “Rei do Baião”. À partir daí, Iniciava ali sua trajetória como cordelista.

Numa dessas visitas a escolas, Josué descobriu um novo filão ainda inexplorado na literatura de cordel. Nascia aí Pokemón. Foi um desenho que fez parte da infância do filho de Josué. Foi aí que surgiu a ideia de fazer cordel sobre Pokemón. O cordel “O matuto e o Pokemón” tem ilustração de Guilherme, filho do autor, hoje com 24 anos. Outra história que ganhou forma de cordel foi a série “Game Of Thrones”.

Sem dúvida Josué descobriu o caminho das pedras e sua arte em cordel deverá ganhar novas emoções com outros projetos envolventes. Josué está sempre na tradicional Feira da Rua do Bom Jesus, aos domingos, no Recife Antigo. 

7/15/2017

Mônica troca de vestido pelo fim da violência



Reconhecida feminista, a baixinha e forte Mônica não poderia deixar de apoiar o Dia Internacional pelo Fim da Violência contra as Mulheres e Meninas.
E ela escolheu demonstrar apoio da forma o mais chamativa possível. Deixou de lado seu look habitual, o famoso vestidinho vermelho, e arrasou de laranja, a cor escolhida para representar o dia.
A data abre a campanha Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher.
A ONU Mulheres, o SP Mulheres e o governo federal vão compartilhar conteúdos que discutem os diferentes tipos de agressão contra as mulheres.
Sem dúvida, ações desse porte contribuem para despertar a atenção para um assunto tão relevante quanto esse.